Hotelaria: Linha de Apoio à Qualificação da Oferta 2016

O actual sistema de incentivos Portugal 2020 que abrange a Zona NUTT II (Grande Lisboa) apenas contemplem projetos que visem criar unidades de 5 estrelas, em edifícios classificados como monumentos nacionais ou imóveis de interesse público, integrados em zonas históricas.

No sentido de ultrapassar este constrangimento, o Turismo de Portugal (em parceria com o sistema bancário) disponibilizou uma Linha de crédito adicional para apoiar projetos no sector hoteleiro que não se enquadrem no programa PT2020.

Características da linha de apoio à qualificação de oferta para a criação (ou requalificação) de empreendimentos turísticos:

  • Dotação orçamental: 60 Milhões de Euros;
  • Financiamento: 75% do investimento:
  • Entre 60 e 75% do empréstimo sem juros (Turismo de Portugal);
  • Entre 25 e 40% empréstimo bonificado (a taxa de juro é avaliada pela entidade bancária mediante o risco associado ao projeto);
  • Prazo de operação: 15 anos (com 4 anos de carência);
  • Despesas elegíveis: ativos corpóreos e incorpóreos necessários para alcançar os objetivos do projeto, acrescido de até 10% para fundo de maneio;
  • O Investimento já pode ter iniciado;
  • Capitais próprios: mínimo de 25% do investimento elegível;
  • Prazo de aprovação: entre um e dois meses.

Para mais informações, poderá consultar AQUI



Para mais informações e esclarecimento de dúvidas:
Ricardo Carvalho | Business Unit Manager - Project Finance Audite

email LinkedIn  +351 214 149 358/59 | Tlm: +351 96 491 69 24

Mais notícias